Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos

" EU VOU TE SUBORNAR COM MEU AMOR"
Mãe de adolescente sofre!

Eu estava ontem a noite às voltas com um trabalho de Economia,  quando minha filha me pediu que a levasse em determinado local,   aonde aconteceria uma apresentação de uma banda musical, pela qual ela tem um interesse todo especial. O “gato”, que faz o vocal,  é seu namorado. O garoto é um encanto e gosta de poesia também. Já compôs até uma música para ela, a qual morro dizendo que é horrorosa – ela bola de rir e diz “ô mamãe nem sabia que você era tão ciumenta!" – E nem eu... (Rrrs)

Bom, fiquei meio contrariada de ter que sair naquela hora, pois com certeza aquela interrupção tiraria minha concentração e quando eu voltasse teria que começar tudo novamente. Mas, fazer o quê?!  Então lá fui eu e do jeito que estava – descalça, de short e camiseta.

Pegamos o elevador e chegando ao térreo, o porteiro olhou para nós com uma cara bem estranha...

Eu, toda encantada com minha filha a caminhar na minha frente, em direção a garagem,  foi quando compreendi a cara do porteiro e caí na risada – adoro rir e rio de tudo, principalmente de mim.  É que formávamos uma dupla bem interessante; ela toda pronta e arrumada, em cima de altíssimos saltos e eu... Bem, eu estava com o meu cabelo bem maneiro, afinal Mirtes deu um “grau” bem legal no sábado... E, muita gente gostou...!

Minha filha, sem entender nada, me perguntou por que eu estava rindo tanto e eu lhe respondi que,  ela havia passado horas se arrumando e era eu quem o povo ( leia-se o porteiro ) estava  achando bonita. Ela sorriu balançando a cabeça, me deu língua e lá fomos nós. - Antes, fomos buscar uma amiga dela.

Logo em seguida, coloquei um CD e comecei a cantar e  a dançar esquecendo completamente que não estava só.  - Eu  adoro música e só dirijo com o som em toda altura, e, competindo com ele em termos de volume. (Rsrs)

De repente escutei minha filha falando para a amiga: “você conhece alguma mãe que goste de reggae? E ambas caíram na risada e começaram a cantar comigo e Armandinho – o cantor do CD –” sentimento / você não sabe o que se passa aqui por dentro/ sentimento para mim é documento/ de alguém que tem muito amor pra dá / e eu quando te encontrar / vou te falar das coisas que eu sinto... / eu vou te subornar com meu amor / eu vou te subornar com meu amor... “

Ao chegarmos a nosso destino, ouvi alguém gritar: “é tia Ysolda que veio trazer Yauanna!!! Não deixa ela  ir embora sem que a gente dê um monte de beijo nela!!!! -  E o trânsito literalmente  parou, a rua engarrafou e eu toda "fofa" e de soslaio, constatei o orgulho, mas também o ciúme enorme de minha princesa. Tem coisa melhor na vida?!  

- Ah, “Eu vou te subornar com meu amor... “
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 30/03/2009
Alterado em 30/03/2009
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras