Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos


ANOITECER  DO DIA DOS PAIS 
 
 

 Ao anoitecer do domingo do dia dos pais e de muita paz, estou com o coração leve, feliz, enternecido e agradecido a Deus por ter o meu, pertinho de mim, gozando de muita saúde e lucidez, aos 83 anos de idade. E, apesar de entender que todo dia é bom pra gente festejar e agradecer a Deus pela benção que é ter pai e mãe ( infelizmente a minha mãe já partiu) não posso deixar de admitir que alguma coisa de muito especial paira no ar em dias assim, e, hoje não foi diferente.
 
Portanto, o meu desejo é que, este  ''algo especial,'' permaneça  sempre no coração de cada um de nós.


 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 12/08/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras