Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos



 
Recife, 24 de agosto de 2012.




Poetisa Estrela Radiante
http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=102790
A/c Recanto das Letras 


Assunto: S/ Linda Carta

 
Querida amiga,

Foi com grande alegria que recebi sua carta, via sua Escrivaninha, a qual me deixou muito, mais muito feliz e sensibilizada. 

Dizer exatamente da emoção que senti é difícil.
 
- Nem me reconheci naquilo tudo que você escreveu sobre mi
m, com esse seu coração generoso!
 
Evidentemente que a surpresa foi grande e boa demais, pela qual sinceramente agradeço. 
 
Confesso que, não esperava um gesto tão meigo de sua parte e nem da parte de ninguém. O texto publicado ontem - Esperando uma Carta - não passou de um acesso de saudosismo e utopia, tão comuns em nós que respiramos poesia. Isso sem falar que, a essas alturas da vida, coisas do coração só conto ao meu cardiologista. (Risos)
 
De qualquer forma você demonstrou, mais uma vez, possuir uma das maiores virtudes do ser humano: a HUMILDADE.
 
- Não lhe ensinei nada, minha linda!  Você sabe tudo, principalmente, fazer amigos.
 
E, com todo esse talento, simpatia, gentileza e atenção, logo você chegará a ‘’hum milhão de amigos’’ facilmente. 


Beijo-lhe às mãos e lhe deixo flores do campo.



 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 24/08/2012
Alterado em 24/08/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras