Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos


PLACA DE ACRÍLICO
Ysolda Cabral
 

 Na placa de acrílico
Prova de Vida
Vermelho esparramado eu miro
Lembrei de uma menina
 
Franzina, sozinha
Tal qual Estrela Dalva
Iluminada por uma Lua  pálida
A brincar amarelinha
 
Na placa de acrílico
Apenas esperança
Na fonte uma aliança
Sombra do equívoco
 
Nítida, caída
Sem saída
Ledo engano.
Há Vida!
  
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 07/10/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras