Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos

306215_449832108420642_70186980_n.jpg

DOCE REALIDADE
Ysolda Cabral
 
A música é linda...
Estranhas, estranhos;
Somos... Estamos...
 
O silêncio é preenchido
E o vazio do nada toma forma,
Toma cores, toma brilho.
Linhas tortuosas e difíceis, eu trilho.
 
Que ninguém venha comigo!
Essa trilha é minha.
E nela sigo até quando for preciso!
E quando tiver que parar,
Descansarei nalgum lugar...
 
Onde tenha apenas flores de verdade,
Perfumadas e eternas em suavidade,
Para que através delas, só delas,
Eu possa encontrar a PAZ procurada,
Esquecendo o sonho, a poesia...
E, finalmente, viver doce realidade.
 
Recife/PE -24.02.2013
Apenas Ysolda 


**********
 

Queridos amigos e leitores, 

Já se encontra  à disposição, dos amantes da poesia, a  coletânea ''Ysolda  & Odir,'' através do Blog  ''Porto Poesia – Ysolda Cabral e Odir Milanez em Prosa e Verso.'' Para ler é só copiar e colar no seu navegador o link abaixo.

http://ysoldacabraleodirmilanez.blogspot.com.br/

E, boa leitura! 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 24/02/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras