Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos

Z





FILHOS PERFEITOS 
Ysolda Cabral 


 
 
No descompassado retumbar do tambor do  encantado, quando a madrugada paria o dia, acordei sem tristeza ou alegria, porém grata pela Vida que Ele me deu. Abri a janela e vi que o dia nascia sem saber se  chorava ou se sorria... Fiquei a imaginar que parecia dois. Se assim fosse, um receberia o nome de Chuva e o outro de Sol, os irmãos gêmeos mais lindos e mais perfeitos da Mãe Natureza.

 
 
Praia de Candeias-PE
No amanhecer de sexta-feira
Apenas Ysolda
27.05.2016


* Imagem do Google de não sei onde...


 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 27/05/2016
Alterado em 27/05/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras