Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos


Resultado de imagem para um flor do arrebol



FLOR DO ARREBOL
Ysolda Cabral
 
 
Fosse eu do arrebol alguma flor...
Uma flor qualquer e de qualquer cor;
rosa, orquídea, em um lindo jardim,
com perfume a inspirar canções assim
 
do mais belo, intenso e sublime amor...
Ah!  poeta, seresteiro encantador,
eu te acompanharia, com meu bandolim,
em serestas à tua amada até o fim!
 
Como não sou flor, nem bandolim sei tocar,
Limito-me a condição de leitor dedicado,
que só sabe ler e muito mal comentar.
 
Contudo, não consigo parar de sonhar,  
Um dia ser como tu, poeta  requintado,
para, com poesia, enfim o amor  conquistar.

**********

Praia de Candeias-PE
18.11.2016
Apenas Ysolda  

Uma pessoa que chora e ri de alegria,
tristeza ou saudade, sem pudor.


http://fugindodocontexto.blogspot.com.br/

Para escutar a música de fundo acesse:
www.ysoldacabral.prosaeverso.net

 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 18/11/2016
Alterado em 18/11/2016

Música: BANDOLINS - OSWALDO MONTENEGRO

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras