Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos

Resultado de imagem para noite escura

Imagem Google 



NOITE ESCURA
Ysolda Cabral
 

Por  ser tão só,
há tantos sóis e luas,
Já não me acho  
em lugar algum! 
 
Não sei quem sou,
não sei onde estou ,
nem sei para  onde vou ...
Mais um dia  não vivi! 
Já passou.
 
Ninguém me sorriu, 
nem comigo falou coisas
que eu quisesse ouvir... 
Tampouco minha ausência notou! 
 
Por  ser tão só ,
há tantos sóis e luas ,
sinto-me casta, sinto-me pura , 
perdida na noite escura .

*********

Praia de Candeias -PE
22.11.2016
Apenas Ysolda 
Uma pessoa que chora e ri de alegria,
tristeza, ou saudade, sem pudor.
http://fugindodocontexto.blogspot.com.br/

Para escutar a canção de fundo, acesse:
www.ysoldacabral.prosaeverso.net


 
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 21/11/2016

Música: Solidão - Alceu Valença

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras