Ysolda Cabral em Prosa e Versos

Uma pessoa que chora e ri de alegria, tristeza ou saudade, sem nenhum pudor...

Textos

A imagem pode conter: 5 pessoas, atividades ao ar livre

Sou a segunda, da esquerda para a direita, da fila que está em pé. 


 PRIMEIRO ANO NO COLÉGIO
Ysolda Cabral 

 
 

 ‘’E de repente, não mais que de repente’’, a gente se depara com uma foto e toda a nossa vida vem à tona de maneira tão nítida, tão real que, o Tempo deixa de ter importância. E, numa fração de segundo, vivemos tudo novamente.  Momentos bons, momentos não tão bons...  Sorrimos, choramos, sentimos saudades e o mundo pára pra gente se lembrar de tudo que viveu até aquele momento.

Nem sei o que senti, há pouco, quando recebi a foto do meu primeiro ano de colégio, aos seis anos de idade – naquela época a gente começava a estudar bem mais tarde que as crianças de hoje. Recebi este presente precioso da amiga e colega de turma, Josélia Roseno... Tantas emoções, tantas saudades de coisas vividas e não vividas! Tantas perguntas que ficaram sem resposta, tantos sonhos jogados na lata do lixo e tantos realizados, mas que deixaram a sensação de frustração, ou não...

- Ah, sei lá, o que está acontecendo comigo! Acho que a culpa é do caminhar do Tempo que passa sem dá a mínima pra gente!

Com a sensibilidade à flor da pele mais que o normal, me deparei com a foto e aqui estou meio sem jeito de dizer que o que mais dói é saber que não tenho mais a minha mãe comigo. A idade não me incomoda, continuo a mesma menina, porém consciente de que a vida não é como a gente pensa que é, ou quer... A vida é como é.

-  Será que finalmente estou crescendo?
 
Praia de Candeias-PE
Em maré de saudades
12.02.2017
Apenas Ysolda
Uma pessoa que chora e ri de alegria,
Tristeza, ou saudade sem pudor.
www.fugindodocontexto.blogspot.com.br

Para escutar a canção de fundo, acesse:
www.ysoldacabral.prosaeverso.net
Ysolda Cabral
Enviado por Ysolda Cabral em 12/02/2017
Alterado em 13/02/2017

Música: Além do Arco-Íris + letra - Luiza Possi

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras